Category: Software Livre

Oct 09 2009

Algumas informações…


Olá,

Sei que nos últimos dias tenho estado meio ausente, mas é devido a correria da faculdade + correria para arrumar as coisas para ir para os Estados Unidos fazer Work Experience. Gostaria de falar para os interessados que o Partido Pirata está chegando no Brasil, já possuem site e a galera está se organizando para fazer diversas coisas. Acho algumas idéias muito boas, e o melhor de tudo que eles pretendem ser muito abertos e desenvolver suas coisas de forma colaborativa. Acho que vale a pena você dar uma conferida e quem sabe se juntar a nós.

Também deixo a dica, para os que sabem falar alguma lingua e gostariam de colaborar com o Software Livre existe o LaunchPad que possui o Rosetta um sistema de traduções. Caso você tenha interesse o André Gondim, coordenador das traduções do Ubuntu Brasil publicou em seu blog, dois posts que acredito que sejam interessantes dar uma olhada. Segue os mesmos...

Conhecendo o Ubuntu Brasil parte 2 por André Gondim
Convite para fazer parte do Grupo de Traduções por André Gondim

Espero que isso motive você,
Matheus Bratfisch

Jun 18 2009

Seja livre.


Boa noite,

Como você deve saber, estou numa correria, final de semestre, provas, trabalhos e tudo mais. Por estas razões não tenho publicado regularmente no blog mas em breve isso passa e tudo volta ao normal. Hoje, consegui tirar um tempo para ver um documentário que já queria ter visto a algum tempo. Venho por meio deste recomendar o mesmo "IN Proprietario - O mundo do software livre" e outros.

IN Proprietario - O mundo do software livre
- Documentário Brasileiro que tem como tema o Software Livre.

Revolution OS (Ingles) | Link Alternativo (BestDocs) | Legenda (BestDocs)
- Documentário Revolution OS, que fala sobre um sistema operacional revolucionário. Linux.

Freedom Downtime | Legenda
- Documentário Freedom Downtime, que fala um pouco sobe a história da vida de Kevin Mitnick e mostra uma visão mais realista do que aconteceu com ele. Diferente do filme Antitrust.

Espero que você goste,
Matheus

May 12 2009

Como não compilar o Android.


Boa noite,

Como você deve ter percebido, eu estive um pouco sumido nos últimos dias. Não, eu não estou mal e nem aconteceu nada comigo. Estive os 2 últimos dias tentando compilar o Android para X86 e roda-lo em uma máquina virtual. Procurei muito pela internet, achei várias informações, algumas que me foram uteis e outras não. Neste post, não vou falar sobre como Compilar o Android, pois eu ainda não consegui fazer o mesmo funcionar como eu queria mas vou colocar links que acredito que serão interessantes para ajudar no seu desenvolvimento com o Android e traduzir uns passos básicos para os que não tem um inglês tão aperfeiçoado.

Primeiro, gostaria de avisar que " Building under Windows is not currently supported." Ou seja, compilar no windows não é suportado atualmente.

Ubuntu Linux (32-bit x86):

* Pacotes necessários:
o Git 1.5.4 ou mais novo e o GNU Privacy Guard.
o JDK 5.0, update 12 ou mais novo. Java 6 não é suportado, devido a incompatibilidades com o @Override
o flex, bison, gperf, libsdl-dev, libesd0-dev, libwxgtk2.6-dev (optional), build-essential, zip, curl.

Para instalar os mesmos digite o seguinte:
$ sudo apt-get install git-core gnupg sun-java5-jdk flex bison gperf libsdl-dev libesd0-dev libwxgtk2.6-dev build-essential zip curl libncurses5-dev zlib1g-dev

* Você provavelmente vai querer Valgrind, uma ferramenta que ajuda a achar leaks de memoria, stack corrompido, indices fora dos arrays, overflows, entre outros.
Para instala-lo:
$ sudo apt-get install valgrind
* Usuarios do Intrepid (8.10) precisaram uma nova versão da libreadline :
$ sudo apt-get install lib32readline5-dev

Caso você tenha interesse em saber mais continue lendo...
Read more »

Apr 27 2009

Netbeans 6.5.1, Espaçamento..


Opa,

Como disse no post anterior instalei o NetBeans agora a pouco. Ao executar o mesmo, criar um novo projeto e arquivo percebo que o espaçamento (line-spacing) do mesmo está muito grande. Para alterar o mesmo você deve fazer o seguinte:

Editar o arquivo: org-netbeans-modules-editor-settings-CustomPreferences.xml

$ pico org-netbeans-modules-editor-settings-CustomPreferences.xml

Este arquivo está encontrado no seguinte diretorio:

/home//.netbeans/6.5/config/Editors/Preferences

Caso o arquivo e o diretorio existam simplesmente adicione as seguintes linhas:

<entry javaType="java.lang.Float" name="line-height-correction"
xml:space="preserve">
<value><![CDATA[0.75]]></value>
</entry>

Se o mesmo não exista, provavelmente você terá que criar o diretorio Preferences:

$ mkdir Preferences
(se você estiver no /home//.netbeans/6.5/config/Editors)

$ cd Preferences

E crie o arquivo:

$ pico org-netbeans-modules-editor-settings-CustomPreferences.xml

Adicione o seguinte conteudo:

<?xml version="1.0" encoding="UTF-8"?>
<!DOCTYPE editor-preferences PUBLIC "-//NetBeans//DTD Editor Preferences 1.0//EN" "http://www.netbeans.org/dtds/EditorPreferences-1_0.dtd">
<editor-preferences>
<entry javaType="java.lang.String" name="code-template-expand-key" xml:space="preserve">
<value><![CDATA[TAB]]></value>
</entry>
<entry javaType="java.lang.Float" name="line-height-correction" xml:space="preserve">
<value><![CDATA[0.75]]></value>
</entry>
</editor-preferences>

Salve, reinicie o netbeans e pronto.

Uma otima noite a todos,
Matheus

English Version

Fontes:
http://my.opera.com/Nobita2708/blog/show.dml/2914020
http://www.linux4all.net/how_to_change_line_height_in_netbeans_editor
http://www.cs.wcupa.edu/rkline/netbeans-lin.html
http://www.google.com.br/search?hl=pt-BR&q=line+spacing+ubuntu+netbeans&btnG=Pesquisar&meta=

PS: Isso não é simplesmente uma tradução, a idéia basica está postada, mas aqui foram adicionadas algumas informações.

Apr 27 2009

Ubuntu com Netbeans Java e C


Boa noite,

Hoje pretendia instalar o netbeans 6.5.1 no Ubuntu 64 bits, baixei a versão que eu queria (C/C++) no site do netbeans. Tentava instalar o netbeans com o comando:

$ ./netbeans-6.5.1-ml-cpp-linux.sh

(PS: Tornei o mesmo executavel antes, com o comando $ chmod +x netbeans-6.5.1-ml-cpp-linux.sh)

Recebia a seguinte resposta:

x-warrior@x-warrior-desktop:~/Desktop$ ./netbeans-6.5.1-ml-cpp-linux.sh
Configuring the installer...
Searching for JVM on the system...
Extracting installation data...
Running the installer wizard...
x-warrior@x-warrior-desktop:~/Desktop$

Porém a parte grafíca não acontecia. Fui olhar o log da seguinte maneira:

$ sh netbeans-6.5.1-ml-cpp-linux.sh --verbose --output out.txt

Analisando o arquivo out.txt pude ver o seguinte erro:

[2009-04-27 20:56:18.173]: at org.netbeans.installer.Installer.main(Installer.java:78)
[2009-04-27 20:56:18.174]: ... show message dialog
[2009-04-27 20:56:18.174]: title: Critical Error
[2009-04-27 20:56:18.174]: message: An unexpected exception happened in thread main
[2009-04-27 20:56:18.174]:
[2009-04-27 20:56:18.174]: Exception:
[2009-04-27 20:56:18.174]: java.lang.NoClassDefFoundError:
[2009-04-27 20:56:18.175]: Could not initialize class java.awt.Toolkit

Infelizmente não sabia como corrigi-lo. Pesquisei um pouco e não achei nada que funcionasse. Então tive a brilhante idéia de instalar pelo synaptic. Instalei o netbeans que estava lá, tudo ocorreu normalmente. Executei o mesmo e fui criar um novo projeto, me deparo que a versão instalada era a para Java. Me decepcionei, afinal precisava mesmo da versão para C/C++. Quando fiz a instalação pelo synaptic percebi que existiam muitas dependencias, tentei instalar novamente a versão para C e vua-la. Consegui instalar a mesma. (Meio na gambiarra eu sei, afinal fiquei com 2 versões de netbeans uma para C e outra para Java, mas sem problemas já que eu utilizo as duas.)

Então caso você queira instalar a versão para C/C++, instale a versão de Java, ou suas dependencias somente e em seguida instale o para C/C++ que tudo vai ocorrer bem.

Ah, para um melhor entendimento editei o menu (Botao direito sobre Applications - edit menu), ele é muito intuitivo então não vou entrar em mais detalhes. Mas no mesmo editei os Netbeans 6.5 e 6.5.1 para Netbeans 6.5 (Java) e Netbeans 6.5.1 (C/C++). Assim não corro o problema de esquecer e abrir a versão errada perdendo tempo.

Espero que essa gambiarra dica ajude vocês.

Abraços,
Matheus

PS: Se alguem tiver a solução decente para conseguir instalar o Netbeans me avise que eu posto aqui. Ou caso eu descubra, postarei também.

Apr 26 2009

Ubuntu 9.04, 64 Bits com Java.


Boa noite,

Estava tentando acessar minha conta do banco e não conseguia por problemas do java. Conversando com um amigo ele me ensinou o que devia ser instalado para conseguir utilizar o mesmo. Para conseguir utilizar o java no ubuntu 64bits você deve utilizar o sun-java-plugin. Para instalar o mesmo você pode utilizar o seguinte comando:

sudo apt-get install sun-java6-plugin

Abraços,
Matheus

English Version

Apr 25 2009

Ubuntu, diminuindo o seu tempo de boot.


Bom, pesquisando em alguns tutoriais pela internet, achei alguns para versões velhas e resolvi testar se as modificações surgiam efeito. Consegui um boot, Ubuntu 9.04 (Jaunty Jackalope) de 22 segundos.

Usei o sudo bum (apt-get install bum) para remover algumas coisas que eu não usava.
As coisas removidas foram as seguintes:
acpid - Serve para gerenciar a energia/controles do pc/laptop. Se você não usa um notebook ou teclado com teclas te atalho pode remover.
acpi-support - Para notebooks. Como o de cima.
hotkey-setup - Semelhante ao anterior.
anacron - Este sistema roda processos periodicamente. Você pode remove-lo e colocar serviços criticos para cron
atd - Como o cron, esse também é um agendador de tarefas.
bluetooth - Suporte a Bluetooth
usplash - Remove a tela bonitinha de loading, aparecendo um monte de mensagens na tela. (remover splash da grub tbm. Abaixo)
dns-clean - Utilizado para conexões dial-up.
pppd-dns - Utilizado para conexões dial-up.
saned - Biblioteca para scanners.

Lembrando que removi pois não utilizava certos dispositivos, como bluetooth, agendador de tarefas e notebook. Voce deve ver se remove ou não de acordo com seu sistema.

Aproveitei e utilizei
sudo pico /boot/grub/menu.lst e removi o splash

kernel /boot/vmlinuz-2.6.28-11-generic root=UUID=5be10a48-2c12-4165-8957-81c7a15274e5 ro quie splash
virou
kernel /boot/vmlinuz-2.6.28-11-generic root=UUID=5be10a48-2c12-4165-8957-81c7a15274e5 ro quie

Reiniciei o sistema e executei o profile. Entre no menu, aperte 'E' para editar, adicione a linha começando por kernel a palavra profile no final e aberte 'B' para bootar. Deixe executar o "profiler". Após reiniciar o boot ficou em 23s. (O profiler deve ser executado peoridicamente)

Após isso resolvi utilizar o boot em modo paralelo. Para fazer isso faça o seguinte
sudo pico /etc/init.d/rc

Altera a linha
CONCURRENCY=none
para
CONCURRENCY=shell

Com isso consegui um tempo de boot de 22s, isso sem mecher nos run levels e fazer melhorias para a execução em paralelo. Executei o profile após a mudança para boot concorrente e não obtive melhorias.

Por enquanto é só, mas num futuro próximo pretendo recompilar o kernel e conseguir algumas melhorias. Também vou ficar atento no que outros usuarios fazem para diminuir o tempo de boot. Qualquer novidade, informo vocês.

Matheus Bratfisch

English Version

Referencias:
http://www.extremetech.com/article2/0,2845,2114124,00.asp
http://wiki.ubuntu-br.org/AcelerandoBoot#head-c8957311083b70f08301d9339d1dea3c54c1c9ae
http://caarlos0.wordpress.com/2009/02/09/boot-do-ubuntu-intrepid-em-20-segundos-d/

Apr 25 2009

Ubuntu, VirtualBox 2.2 e USB


Bom dia,

Agora com a nova versão do ubuntu, provavelmente vou postar bastante sobre o mesmo durante está minha etapa de testes e instalações. Não pretendo ensinar como instalar o VirtualBox 2.2, pois como é um pacote .deb é muito simples, simplesmente baixe ele aqui e instale o pacote. Neste post só quero lembrar que devemos selecionar a opção Enable IO APIC em Settings - General - Advanced. (ao menos a minha com winxp não funciona sem essa opção). Então se o seu sistema não estiver inicializando verifique se está opção está selecionada. Agora vamos ao como fazer as portas USB funcionarem na sua maquina virtual.

Para fazer as portas USB funcionarem você deve fazer o seguinte:

Instalar o "Guest additions", com a maquina virtual rodando acesse Devices - Install Guest additions.

Após instalada a mesma execute no seu terminal:

$ grep vbox /etc/group
O resultado será algo semelhante a isso
vboxusers:x:gid:usuario

(Se não existir nenhum usuario, adicione o seu usuario ao grupo vboxusers)

Edite o arquivo "mountkernfs.sh"
# pico /etc/init.d/mountkernfs.sh

Va até o final do do_start(), e dentro do mesmo (antes do }) adicione a seguinte linha:

domount usbfs "" /proc/bus/usb usbdevfs -onoexec,nosuid,nodev,devgid=GID,devmode=664

(Substitui o GID pelo seu GID que foi visto anteriormente.)

Salve o arquivo, reinicie o computador, e utilize suas usb dentro da maquina virtual.

O site que me fez testar desse modo foi este http://www.davidgrant.ca/virtualbox_usb_windows_xp_guest_ubuntu_hardy mas ele não indicava que era para versão 9.04, então testei e funcionou.

Espero que seja util,
Matheus

PS: Para que a mesma funcione dentro da maquina virtual você deve ir em Device - USB DEVICES e selecionar o dispositivo que você quer que funcione dentro da maquina virtual.

PS2: Para os que andam acompanhando os tempos de boot que estou conseguindo, após a instalação do virtualbox e feitas as configurações acima estou com um tempo de 28s. (Sem tentar otimizar nada até o momento)

English Version

Apr 25 2009

Ubuntu 9.04, bootChart.


Opa,

Resolvi ficar mais um pouco acordado e aproveitar essa instalação fresquinha para fazer um teste com o bootChart. Uma das coisas que diziam é que o boot do Ubuntu ficaria mais rapido comparado a outras versões, resolvi fazer o teste. Lembro que na minha ultima instalação (8.10) em fresh install consegui um boot de 31 segundos após algumas modificações consegui reduzir o mesmo para 21 segundos. Na versão 9.04, como prometido o tempo de boot foi diminuido, consegui um tempo de 26segundos em fresh install. Assim que eu tiver um tempo pretendo tentar otimizar o mesmo de maneira semelhante a que utilizei no ubuntu 8.10. Vamos ver se eu consigo algo menor que 20s ou se eles otimizaram as mesmas coisas que eu otimizei na versão anterior deixando as como default.

Imagem do BootChart, Logs do BootChart.

Após instalar alguns pacotes pra assistir video no firefox, ouvir musicas, baixar as dependencias pensei, será que já ficou mais lerdo? Resolvi reiniciar e verificar o resultado, o tempo de boot após este teste foi 25s. Não acredito que tenha cido uma diferença consideravel e/ou que tenha cido pelos pacotes que eu instalei, então não vou falar mais sobre isso. Uma mera coincidencia acredito eu. (Desencargo de consciencia: Testar no outro computador.)

Até mais,
Matheus

English Version

Apr 25 2009

Ubuntu 9.04, up and running.


Boa noite Galera,

Como muitos de vocês devem saber, na quinta feira passada foi lançado a ultima versão do ubuntu (9.04) e eu como trabalho em um laboratorio que é mirror do mesmo, e porque gosto bastante do mesmo instalar logo e ver como ficaram as novas modificações. Já que eu tinha as imagens dos cds (32 e 64 bits) prontas, resolvi optar pela versão de 64bits para aumentar a comunidade que utiliza tal arquitetura e assim colaborar na melhoria da mesma. A instalação ocorreu sem problemas, pensei sériamente em utilizar o ext4, mas como é meio "recente" e está em testes resolvi fazer isso com uma maquina virtual (para os mais aventureiros, usem, descubram erros e reportem... para que ela fique perfeita logo.). Completei a instalação do mesmo muito rapidamente, em aproximadamente 20 minutos, sendo que deletei as partições antigas e criei novas, com diferentes tamanhos de swap e para o sistema. Gostei do novo visual da tela de login. Como acabei de completar a instalação e os updates já lançados (firefox, xul, etc...) ainda não tive tempo de testa-lo na sua totalidade mas assim que fizer o mesmo, tentarei publicar umas opiniões sobre o mesmo.

Ah, utilizando a versão 64bits também não encontrei nenhum problema de cara, tinha driver da nvidia (privado, eká) e flash também. Amanha pretendo testar eclipse, java, etc pra ver se não tenho nenhum problema também. E pra adiantar um pouco...

x-warrior@x-warrior-desktop:~$ java -version
java version "1.6.0_0"
OpenJDK Runtime Environment (IcedTea6 1.4.1) (6b14-1.4.1-0ubuntu7)
OpenJDK 64-Bit Server VM (build 14.0-b08, mixed mode)

Mantenho vocês informados quando testar novas ferramentas, etc...

Mas então, por hoje é isso.
Viva o Software Livre.

Matheus Bratfisch

PS: Minha maquina é um c2d @ 2.4 - MB ASUS P5B DELUXE Wifi/ap - 4gb DDR2 MUSHKIN, PYN GF8800 512, 200GB SATAII (dados), 40GB IDE (os)